A Ficção Científica de Telmo Marçal

“As Atribulações de Jacques Bonhomme”

A Gailivro lança um livro de doze contos de ficção científica do escritor português Telmo Marçal….

gai-jacques

No Prefácio, Luís Filipe Silva, um dos autores do correio do fantástico,  escreveu as seguintes linhas:

«O primeiro contacto com a prosa eficiente e económica, directa, de Telmo Marçal introduz-nos de, forma imediata, nas regras do mundo em que viemos cair: Estamos realmente na jaula de fera encurralada, mas eis que, afinal, somos nós essa fera. (…) Há, no entanto, um motivo legítimo para entrarmos assim incautos: não temos por hábito encontrar este tipo de prosa esta forma de pensarmos o mundo, na nossa literatura portuguesa. (…) Somos perfeitos na caricatura mordaz. Mas quando se trata de construir mundos racionais, ainda que fechados e claustrofóbicos como os que aqui encontrarão, de imaginar uma alternativa ao nosso presente ou mesmo ao passado histórico idolatrado por este povo (ainda que não passe de uma versão expurgada dos pecados cometidos), quando, afinal, nos negam o romance das coisas não temos grande experiência… A nossa ficção científica, quando se manifesta, apropria-se normalmente de universos alheios que encontrara nas leituras dos romances estrangeiros; quando em raras ocasiões se aventura no caminho da especulação social, fá-lo timidamente ou assente em abordagens subjectivas ou puramente pessoais.  (…) em Telmo Marçal a opressão é total, implacável, e não há forma de escapar à intensidade ao que o momento presente nos impede de olhar para o futuro e nos força a sobreviver, a não ser pela ocasional ironia.
Ao ser composto por contos, e não uma visão única, conseguimos regressar em busca da ansiada golfada de ar. (…) A sensação de no-time, no-place não surge apenas como um artifício literário, mas como uma necessidade. (…) Atribuir-lhes uma data e uma referenciação geográfica seria retirar-lhes a universalidade das observações. No que lemos, encontramos o espelho de nós todos.»

Roberto Mendes

Fontes: PortaLivros.wordpress.com

Gailivro

Esta entrada foi publicada em Autores Portugueses com as etiquetas , , . ligação permanente.

Uma resposta a A Ficção Científica de Telmo Marçal

  1. Não tenho grandes dúvidas relativamente à qualidade deste romance.

    Depois de ler “O Pico de Hubert”, um conto do autor presente na fantástica antologia Por Universos Nunca Dantes Navegados, fiquei completamente rendido aos encantos da escrita de Telmo, e deliciei-me posteriormente com mais alguns contos do Telmo que se encontram nos vários Hyperdrivezines e no nº 2 da Phantastes.

    Comprarei este livro assim que me for economicamente possível, pois dá-me todo o gosto fomentar a produção nacional do género, ainda mais de uma qualidade tão grande como a de Telmo Marçal!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s